Raoni Assis exibe seu novo curta de animação

O Gaivota tem pré estréia marcada para o dia do trabalhador, nesta quinta-feira (01/05), 20h, NA Casa do Cachorro Preto

 

Curta-metragem de animação em 2D, O Gaivota foi concluído e está em finalização em DCP para iniciar sua distribuição em festivais. O filme trata da relação de um trabalhador e do seu apego, das suas frustrações, das suas nostálgicas.

“O Gaivota era histórico, um tema, um mito”. O curta-metragem narra a estória de um mecânico que, após toda uma vida de dedicação ao zelo de um carro de luxo, em uma locadora de veículos, se vê obrigado a dar adeus ao possante preferido do seu falecido pai. O Gaivota será vendido e cabe ao mecânico realizar o último desejo do pai em vida. O Gaivota, além de  ser uma espécie de patrimônio simbólico/cultural de um país fictício com ares burlescos de Brasil, funciona quase que como o cordão umbilical entre um pai e um filho. A animação se utiliza dessa metáfora para falar sobre a melancolia implícita em uma despedida.

Um dos destaques do filme é a trilha sonora que conta com uma música composta por Raoni Assis e Juliano Holanda cantada por Expedito Baracho e outra da banda Variant.

O curta foi concebido, elaborado, produzido e animado por artistas e produtores que fazem a Casa do Cachorro Preto. Ele tem roteiro de direção de Raoni Assis, produção executiva de Manuela Andrade, Direção de arte e animação de Ayodê França, edição de Paulo Leonardo e edição de som de Ravi Moreno.

Parte dessa equipe já atuou no premiado “Hotel do Coração Partido” , dirigido por Raoni Assis (Melhor animação Nacional no Curta-se VII, do Festival Luso Brasileiro de Cinema na categoria vídeo, do Festival Universitário de São Carlos na categoria animação, segundo colocado no júri popular na premiação do Porta Curtas e participante do Festival brasileiro de curta-metragem Rio de Janeiro, 2007).

Contemplado pelo Edital Funcultura Audiovisual, O Gaivota tem entre os apoiadores o Porto Mídia, o Estúdio Base e da produtora Contratempo.

Para Raoni Assis, exibir em primeira mão neste dia, para o público d A Casa tem um sentido simbólico, “nosso trabalho é a maior arma de argumentação que podemos lançar mão. É a nossa maior identidade, aquilo que a gente constrói e que carrega nossas vontades e impulsos” diz o artista.

Abrindo a noite, serão exibidos outros curtas em animação da equipe.

 

Curtas que serão exibidos:
Expresso, 2:22 – Dir. Paulo Leonardo. Somos somos 7:06 – Dir. Paulo Leonardo. Reminiscências, 3:03 – Dir. Clarissa Machado. O Papa-figo, 2:22 – Dir Paulo Leonardo.

Hotel do coração partido 8:00 – Dir Raoni Assis

Abrupto, 1:45 – Dir. Ayodê França e Paulo Leonardo

O Gaivota 7:07 Roteiro e direção Raoni Assis/ Direção de arte e Animação Ayodê França/ Edição e finalização Paulo Leonardo/ Edição de som Ravi Moreno/ Produção Executiva e Coordenação de pós produção Manuela Andrade/ Trilha Sonora Juliano Holanda Expedito Baracho e Variant/ Locutor de rádio – Rafael Cavalcanti

Pré estréia

O Gaivota

Quinta-feira, 1 de maio, 20h

A Casa do Cachorro Preto

Rua 13 de maio, 99 – Cidade Alta – Olinda

Entrada livre

Fone – 81 34932443

Raoni Assis – 81 98740807

 

Deixe uma resposta

BLOGS PARCEIROS
Blog de 1 a 10
Recanto das Letras
Blog Olhares Blog Escritaci