Mais uma vez e no mesmo local. Quando não são carrinhos de compras, jogados aleatoriamente nas vagas para veículos, são carros ocupando duas vagas. Mas não por acaso, caprichosamente estacionado na linha amarela exatamente no meio. Se calculasse talvez não fosse tão perfeito! Fico indignada. Mas sabe de uma coisa¿ Estou cansada de ficar indignada! Pior é que mais de uma vez percebi os idosos como autores dessa falta absoluta de cidadania. Outro dia uma senhora estacionou na saída do meu prédio. O prédio é antigo, mas a saída tem um portão grande e dá pra ver que dali saem carros! A confusão foi grande, pois o vizinho quis sair e ficamos por mais de uma hora tentando descobrir quem era e para onde tinha ido.  Se houvesse uma emergência¿ O vizinho, como queria sair de qualquer forma, resolveu amarrar o carro dela e puxar para liberar a saída. Não achei correto, tanto que pedimos para chamar a polícia, mas já tinham feito. Chega uma senhora então, dizendo que era um absurdo terem mexido no carro dela! Reparem! Em momento algum ela pensou estar errada. Disse apenas que “não sabia” que ali era uma saída. Estava distribuindo os convites de 80 anos dela. Pensei: 80 anos! Está perdoada. Mas não é bem assim, não é por que você tem 80 anos que pode sair fazendo tudo errado por aí. Sou mesmo muito benevolente com as pessoas! Alguns idosos de 80 anos simplesmente não deveriam mais dirigir, simplesmente por estarem colocando a sua segurança e a dos outros em perigo. Digo “alguns”. Fico pensando no respeito que tenho por eles, no respeito que tenho às vagas reservadas para os mesmos, respeito no trânsito, nas filas, enfim, acho que o idoso merece. Não só pelas limitações da idade, mais pelo respeito mesmo que devemos ter aos mais velhos. Rodo mil vezes num estacionamento, mas o que está reservado para eles para mim, além de lei, é sagrado. Mas parece que muitos não tem o menor respeito pelos outros e até mesmo se aproveitam disso para exercitarem a falta de educação e a falta de cidadania que muitos jamais tiveram. Quando penso nisso, a única frase que me vem à cabeça é essa: CANALHAS TAMBÉM ENVELHECEM!

(Taciana Valença)

 

Deixe uma resposta

BLOGS PARCEIROS
Blog de 1 a 10
Recanto das Letras
Blog Olhares Blog Escritaci